Campanha Contra a Carne Clandestina

Projeto: Campanha Contra a Carne Clandestina

Gerente do Projeto: Marcelo Torres Pinheiro

Instituição: Prefeitura Municipal de Palmas.

Parceiros: Governo do Estado, Associação Tocantinense de Supermercados, Instituto Natureza do Tocantins e Agência de Defesa Agropecuária e Conselho Regional de Medicina Veterinária.

Identificação do Problema: Comercialização irregular de carne (sem procedência comprovada) nas feiras livres da cidade e em alguns açougues.

Objetivo: Coibir o abate clandestino de gado e assegurar à população a origem controlada da carne comercializada na cidade.

Procedimentos: Reunir parceiros e estabelecer procedimentos de conduta e fiscalização nos estabelecimentos da cidade e nas feiras livres.

Metas: Proibir o comércio de carne sem origem nas feiras livres da cidade e ampliar a fiscalização da vigilância sanitária e do Serviço Municipal de Inspeção.

Resultados: A comercialização de carne foi proibida nas feiras e o problema da carne sem origem foi minimizado no comércio local.

Análise de Desempenho: O projeto atendeu plenamente seus objetivos dentro do prazo estipulado com adesão de todos os açougues da cidade.

Conclusão: A população percebeu a importância da iniciativa e colaborou denunciando ações suspeitas de casas de carne (algumas foram multadas e fechadas). Desde então, o comércio de carne vêm trazendo mais segurança aos consumidores.

Copyright © 2006 - 2018 Nova Prospectiva Ltda. Todos direitos reservados

Endereço: Quadra 305 Sul, AV LO 5, LT 25, Palmas/TO, (63) 3215-7635, concursosaofelix2017@gmail.com